Araguaína|Programa Juntos|Segurança Pública

Com apoio do Juntos, Araguaína realiza primeira reunião de segurança integrada

A Prefeitura de Araguaína (TO), com parceria do Programa Juntos, deu mais um passo em busca de redução na violência na cidade, com a primeira reunião do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M), realizada ontem (29).

Leia também: Segurança Pública entra no âmbito da parceria entre o Programa Juntos e a Prefeitura de Araguaína

Com a presença do prefeito Ronaldo Dimas, de secretários de diversas pastas, além do procurador geral municipal e de representantes de órgãos de segurança e do conselho tutelar, o encontro serviu para compartilhar e debater a formação e implementação do GGI-M de Araguaína.

A criação da GGI-M faz parte do conjunto de ações desenvolvidas pela prefeitura araguainense em parceria com o Juntos, que visam a melhoria de área da Segurança Pública. O trabalho conta com a parceria técnica contratada do Instituto Cidade Segura.

Leia também: Prefeitura implantará projeto piloto de escolas comunitárias em Araguaína, com apoio do Juntos

“A cidade está crescendo, e devemos considerar a violência como um problema sério a ser enfrentado de maneira conjunta. São necessárias políticas para melhorar a qualidade de vida geral da população, com mais oportunidades aos jovens e ações preventivas desde a primeira infância. Acredito que essa parceria com a Comunitas é uma oportunidade única, pois a consultoria está fazendo um trabalho de primeiro nível para Segurança Pública do município”, afirmou o prefeito.

Vinculado ao gabinete do prefeito, o GGI-M é um fórum deliberativo e executivo composto por representantes do poder público das diversas forças com atuação na área de segurança pública, que opera por consenso, e onde nenhum dos membros tem autoridade para tomar decisões, respeitando o poder de cada instituição.

Leia também: Trabalho do Juntos no Tocantins pode gerar até R$ 23 milhões em economia para prefeituras

O GGI-M trata-se de uma ferramenta de gestão que reúne, mensalmente, o conjunto de instituições que incide sobre a política de segurança local e, a partir de evidências científicas, promove ações conjuntas e sistêmicas tendo como objetivo discutir, deliberar e executar as políticas públicas com vistas à diminuição da criminalidade, prevenção à violência, à manutenção da paz social e a promoção dos direitos humanos fundamentais.

Segurança Pública entra no âmbito da parceria entre o Programa Juntos e a Prefeitura de Araguaína

O apoio na área da Segurança Pública será o próximo trabalho desenvolvido no âmbito da parceria entre o Programa Juntos e a Prefeitura de Araguaína (TO). O pontapé inicial foi dado ontem (27), durante reunião com a participação do prefeito Ronaldo Dimas.

Segundo Dimas, a reunião é o início do trabalho para construção de um plano de segurança para cidade. “A gente vai buscar a construção desse sistema com participação da sociedade, das polícias, das instituições, escolas municipais e estaduais, ou seja, é algo que precisa envolver todos para que tenhamos sucesso. Focando naquilo que mais preocupa”, sinalizou.

Foto: Marcos Filho Sandes/Prefeitura de Araguaína

Leia também: Em Araguaína, saneamento básico entra na mira da parceria entre o Juntos e a prefeitura

A proposta de trabalho abrangerá duas grandes ações. A primeira, com auxílio ao município no processo de concepção, organização institucional, estruturação e formação da Guarda Municipal, incluindo a formatação de Estatuto e Regulamento Disciplinar, Ouvidoria e Corregedoria, além da estruturação da Direção e reengenharia administrativa necessária. O trabalho será desenvolvido com o apoio de diversos parceiros, entre eles a BRK Ambiental.

Foto: Marcos Filho Sandes/Prefeitura de Araguaína

Já a segunda ação visa a implementação e fortalecimento de parcerias com outros níveis governamentais, com o desenvolvimento de instrumentos visando formalizar cooperação com órgãos estaduais de segurança para integração das ações da Guarda Municipal. Dentre as propostas desta ação está a criação do Gabinete de Gestão Integrada de Segurança Pública (GGIM) e, também, a elaboração de um modelo de gestão por resultados dos índices de violência do município liderados pelo prefeito e o responsável pela área de segurança do município, com o objetivo de produzir um monitoramento mensal integrado dos indicadores de violência.

Leia também: Municípios do Tocantins passam a integrar a rede do Programa Juntos

O resultado final das atividades passa pelo apoio na elaboração de itens como o Protocolo Operacional Padrão da Guarda Municipal, Acordo de Cooperação com o Governo Estadual, Decreto Municipal estruturando o GGI metodologia de funcionamento, e a estruturação de Observatório Municipal de Segurança, entre outros.

Leia também: Programa Juntos avança no Tocantins e novas cidades passam a integrar a rede

O trabalho terá parceria técnica do Instituto Cidade Segura, consultoria contratada para liderar o projeto junto à prefeitura, e tem duração prevista de seis meses.