loading

Folha de SP | Novo Fundeb torna a educação pública mais plural

Texto consagrou aumento dos recursos e sua melhor alocação na busca de eficiência e equidade

Por Regina Esteves, diretora-presidente do Comunitas, Adriano Naves de Brito, secretário municipal de Educação de Porto Alegre (RS), e Fernando Schüler, cientista político e professor do Insper

 

A regulamentação do Fundeb foi aprovada na Câmara e vai esta semana à votação no Senado. O texto consagrou não apenas o aumento dos recursos para a educação, como sua melhor alocação na busca de eficiência e equidade de oportunidades.

Passo importante foi a aprovação, por ampla maioria, da emenda que permite a inclusão no Fundeb, no limite de 10% das matrículas de cada rede, de alunos de instituições filantrópicas, confessionais e comunitárias que tenham parceria com os entes públicos.

 

>> Clique aqui e confira o artigo completo na Folha de São Paulo.

 

Sem comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.